Teu nome

Teu nome, voz das sereias, 
Teu nome, o meu pensamento, 
Escrevi-o nas areias, 
Na água, — escrevi-o no vento. 

Manuel Bandeira, In Mafuá do malungo, 1948

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s