Silêncio

Silêncio aberto
de plenitude
como uma ilha
num lago fundo

Silêncio exacto
cheio de música
vindo de nada
contendo tudo.

É este agora
deste momento
em que estando
me ausento.

Glória de Sant’Anna in Um denso azul silêncio, 1965

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s